A NOS apresentou uma proposta ao Benfica de €400 milhões de euros pela compra dos direitos de transmissão televisiva dos jogos da equipa principal durante os próximos dez anos, segundo noticiou a TVI24.

A oferta, que contempla 40 milhões de euros por temporada, representaria aquele que poderá ser o maior negócio de sempre no futebol português em termos televisivos.

Luís Filipe Vieira anunciou, em A BOLA TV, em 2012, o fim da ligação à Olivedesportos e a recusa de uma proposta da empresa de Joaquim Oliveira de €111 milhões por cinco temporadas (€22,4 milhões/ano).

Na época 2013/14, o Benfica começou a transmitir os jogos da equipa principal na Benfica TV, que, entretanto, evoluiu para um operador que transmite as Ligas inglesa, italiana e francesa. A Benfica TV, segundo Luís Filipe Vieira, já apresentou receitas de €30 milhões, mas, após amortização dos custos, o resultado líquido fixou-se na primeira época em cerca de €17 milhões. Por outro lado, no final desta temporada, acaba o contrato do Benfica para transmitir os jogos da Premier League.