Talisca foi multado em seis mil euros e sujeito a uma suspensão provisória de 90 dias, não podendo cometer qualquer infração durante esses dias. Esta foi a pena aplicada esta quinta-feira pelo tribunal de Almada ao médio benfiquista.

Recorde-se que o atleta brasileiro foi apanhado pela polícia a conduzir uma moto4, sem ter habilitações para tal.

De acordo com o jornal A Bola, o valor da multa que Talisca terá de pagar vai ser distribuído pela Associação Almadense e pela Cercisa (Cooperativa para a Educação e Reabilitação de Cidadão Inadaptados do Seixal e Almada).

Depois desta ação, não sabemos também se Talisca será alvo de algum processo levantado pelo clube ‘encarnado’. No final da audiência, o médio do Benfica e o advogado Miguel Lopes (requisitado pelo clube para conduzir o processo) não deram quaisquer declarações aos jornalistas. “Não posso falar”, referiu o futebolista.


A resposta de Júlio César ao Inácio. por 1904s_slb